O maior amor do mundo

tumblr_lepv6aWya81qf1xjco1_1280

Toda história de amor é bonita, depende da forma que ela é contada. Mas existem algumas histórias que são belas de todos os pontos de vista. O amor de Marina Abramovic e de Uwe Laysiepen, mais conhecido pelo pseudônimo de Ulay, é um desses. Artistas modernos, conhecidos no circuito das artes performáticas, os dois protagonizaram sua cena mais bonita sem nenhum ensaio.

“Fiquei desesperada de amor e não conseguia andar ou falar”, disse Marina certa vez sobre o primeiro encontro com seu marido.  Nasceram como que um para o outro, no mesmo dia, em diferentes anos. Casaram-se em 1976, rodaram o mundo em uma mini-van por onze anos e se separaram pouco anos depois, em 1988.

Marina Abramovic e de Uwe Laysiepen A separação foi feita no meio da Muralha da China, um de cada lado, caminhou até o ponto de encontro durante três meses, beijou-se e seguiu seu caminho. O evento deu origem ao espetáculo The Lovers – The Great Wall Walk (Os Amantes – A Grande Caminhada pela Muralha, em tradução livre).

Eles, após trabalharem, viverem, viajarem juntos ficaram por anos sem se ver. Ulay, então, resolveu fazê-la uma surpresa. Marina estava fazendo uma performance em que seus admiradores poderiam se sentar numa cadeira e olhar para ela por um breve tempo, cerca de um minuto. Ulay se misturou à fila dos fãs e o resultado de um minuto de reencontro é o que foi registrado neste vídeo:

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s