Bernardo Sayão compartilhado

Image

Memória de todos. Neto do desbravador cria página no facebook para divulgar fotos do arquivo da família sobre a história de Brasília

Publicado originamente na edição de 29 de abril do Metro Brasília

Marcelo Sayão cresceu ouvindo histórias fantásticas de como seu avô desbravou o que hoje chamamos de Brasília. Foi através desses episódios quase lendários que ele conheceu o avô famoso, Bernardo Sayão, morto antes dele nascer. A viagem no tempo, porém, só ficou completa quando Marcelo herdou de uma tia uma coleção de fotografias e recortes de jornais da época da construção da cidade. Ali estava um dos mais ricos acervos da história de Brasília. “Eu tinha de compartilhar essa descoberta, um tesouro desses não pode ficar mofando nos armários”, diz Sayão. Continuar lendo

Anúncios

Fotógrafo canadense cria projeto para promover o encontro de ‘clones’

Tamara Stomphorst   e Sandra Meines  - Holanda

Tamara Stomphorst e Sandra Meines – Holanda

É costumeiro que ao conhecermos novas pessoas elas nos digam: “você parece com alguém que eu conheço” ou “você é a cara do cantor fulano de tal”. Foi pensando nisso que o fotógrafo canadense François Brunelle decidiu reunir desconhecidos, sem grau de parentesco algum, que parecessem gêmeos. Continuar lendo

Vida entre flores

Nilo conhece melhor o toque da Caliandra que o da sua mulher. Passa mais tempo entre as patas-de-vaca do que com seus filhos. Nilo é um vendedor de flores. O dia dos namorados se aproxima e com ele a seca, do clima, e a seca, da boca. Além de religiosos do mundo inteiro que vêm conhecer a Catedral Metropolitana de Brasília, Nilo também está atendendo estudantes apaixonados que preferem dar pimentinhas à rosas neste dia do amor. É isso que Nilo faz, vende na rua os amores que não pode dar em casa. Continuar lendo

Foto inédita de Marilyn Monroe nua é divulgada

Uma foto inédita da mulher mais bela da história foi divulgada. A atriz Marilyn Monroe fez uma sessão de fotos em uma piscina de um hotel, no ano de sua morte.

Marilyn fez a sessão com um fotógrafo estreante, Lawrence Schiller. Seu objetivo era conseguir atrair a atenção do público que estava focado em sua principal rival, Elizabeth Taylor. A atriz dos olhos púrpura tinha acabado de estrelar o filme ‘Cleópatra’, ganhava US$ 1 milhão por filme e estava envolvida com o galã de Hollywood Richard Burton. Continuar lendo

A rua invade o museu

O Espaço Cultural Contemporâneo (ECCO) inaugurou neste fim de semana a sua nova exposição, ‘Arte Radical’. A mostra reúne trabalhos de 44 artistas de todo o Brasil, mas com foco em produções do Distrito Federal e Entorno. O grafite, ícone da cultura hip-hop, está em cada uma das paredes e fazendo intervenções e brincadeiras com a própria estrutura do local. Continuar lendo

Henri Cartier-Bresson

Henri Cartier-Bresson é conhecido por seu indistinguível e irreverente estilo de fotografar. Adotando as angulações mais variadas o possível e abusando da disposição de elementos em suas composições, o fotógrafo deu nova perspectiva a cenários mundialmente conhecidos, como a Torre Eiffel, em Paris, mostrada na foto acima, tirada em 1958. O grande segredo das fotos de Cartier reside na espontaneidade, no modo como ele espera o momento perfeito para capturar a imagem, fazendo com que ela seja única. Nas palavras do próprio fotógrafo, “a fotografia é um reconhecimento simultâneo, numa fração de segundo, do significado do acontecimento, bem como da precisa organização das formas que dá ao acontecimento sua exata precisão”. Ele desprezava fotografias arranjadas e cenários artificiais, alegando que os fotógrafos devem registrar sua imagem de uma forma rápida. Seu conceito de fotografia baseava-se no que ele chamava de “o momento decisivo”, o instante que evoca o espírito fundamental de alguma situação, quando todos os elementos externos estão no lugar ideal, ou seja, para Cartier-Bresson o mundo devia merecer a foto e não criar-se a situação. Continuar lendo